Brasil e Japão assinam acordo para aumentar o fluxo turístico entre os países

Tamura e Bezerra assinam acordo (Foto: Divulgação/Mtur

A secretária Nacional de Qualificação e Promoção do Turismo do Brasil, Teté Bezerra, e o presidente da Agência Japonesa de Turismo, Akihiko Tamura, oficializaram na manhã de ontem um memorando de entendimento entre os dois países, que prevê um completo compartilhamento de ideias e projetos para aumentar o fluxo turístico bilateral.

A parceria foi firmada durante um evento realizado na capital japonesa Tóquio, no Japão, para divulgar aos viajantes japoneses que desejam visitar o Brasil o visto eletrônico, em vigor desde o último dia 11 de janeiro, como já divulgado pelo São Paulo Shimbun.

“Temos adotado uma série de medidas para abrir o Brasil ao mercado exterior. O Japão está na nossa lista de prioridades. Qual-quer japonês que optar por visitar o Brasil poderá solicitar o documento de entrada de forma eletrônica e receberá a resposta em até 72 horas”, comentou Teté Bezerra, que, na primeira quinzena do mês, se reuniu com o embaixador do Japão no Brasil, Akira Yamada, e com o ministro do Turismo, Marx Beltrão, para tratar dos detalhes da divulgação do visto eletrônico naquele país e recebeu uma sinalização positiva do representante japonês. Em média, o prazo anterior para tirar o visto era de 40 dias. Com a mudança, o turista, que antes tinha que pegar toda a documentação necessária, levá-la ao Consulado brasileiro, abrir o processo de solicitação, pagar as taxas e passar pela análise, agora, pode fazer o upload dos documentos pelo site do visto eletrônico. Além de menos dias, o valor também sofreu uma redução de quase 70%, passando de US$ 92 para US$ 40.

Continua…(Impresso)

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password