Jardim Japonês da USP é reinaugurado

O Jardim Japonês, loca-lizado em uma área de cinco mil metros quadrados do Instituto de Biociência da Universidade de São Paulo, no Butantã, será reinaugurado nesta sexta-feira, às 11h30, como parte das comemorações pelos 110 anos da imigração japonesa no Brasil. A cerimônia terá a coordenação e será conduzida por Kozo Fujii.

Doado em 1967 pelo primeiro presidente da Associação de Flores Ornamentais e da Cooperativa Agrícola de Cotia, Kenkiti Simomoto, o local foi inaugurado oficialmente pelo príncipe Akihito e princesa Michiko, durante passagem dos dois pelo País, em virtude das comemorações pelos 60 anos da imigração japonesa.

Já a restauração teve início em 2017. Para celebrar os 50º aniversário do Jardim Japonês da USP, a Associação Brasileira de Imigrantes Japoneses do Brasil contratou o especialista em jardim japonês Kinji Yoshida, e o filho Daikichi, para uma intervenção que se iniciou em junho daquele ano.

Dentre as obras realizadas estão as podas das árvores e plantas, a limpeza dos lagos, o conserto de vazamentos de dois deles, além de melhoramentos estruturais na passarela. Foi incluído nesse projeto um portal doado pela Associação de Cotia e de Vargem Grande Paulista, que foi inaugurado em abril deste ano, com a participação de mais de 100 pessoas, entre elas autoridades, representantes de associações japonesas, professores, funcionários, estudantes da USP, além de apoiadoras, como a Fundação Kunito Miyasaka.

Essa não foi a primeira vez que o local passa por reforma. Em 2003, a Associação Brasileira de Imigrantes Japoneses do Brasil fez uma nova doação à USP, realizando 40 dias de cuidados especiais no jardim.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password