Família Sakaguti inicia tradicional ‘Colha e Pague de Caqui’, em Piedade

Cesta de caqui diante da plantação Sakaguti (Foto: Divulgação)

A época é de caqui e, como Mogi das Cruzes, Piedade é uma das cidades brasileiras com alta concentração de plantação da fruta. Hoje, aproveitando o final de semana de feria-do, a família Sakaguti abre o sítio para mais uma temporada do “Colha e Pague de Caqui”.

Neste ano, devido ao clima quente, o caqui amadureceu mais rápido e praticamente todos os 1 mil pés da fruta estão prontos para colheita. “Deu certinho (o tempo). Tem muito caqui maduro e o nosso forte é o fuyu. Temos todas as variedades, mas o caqui fuyu é mais saboroso”, contou Satomi Sakaguti.

Segundo ela, é grande a expectativa para esta 12ª edição. Mais de 12 mil pessoas – mesmo número do ano passado – são es-peradas até o dia 22 de abril, quando termina a festa. Diante da chuva que atinge a cidade de São Paulo nos últimos dias, a nikkei acalma quem pre-tende ir ao sítio. “Hoje (ontem) choveu de manhã e depois fez sol. É uma chuva rápida.”

A previsão do tempo indica que será desta forma o final de semana de Páscoa, com tempo quente em Piedade, batendo a máxima de 29º.  Hoje, várias excursões já estão agendadas e, ao meio-dia, autoridades de-vem participar da abertura oficial. Em cerca de 1h30 a 2 horas, o viajante que sai da capital paulista chega a Piedade.

Quem opta pelo bate e volta, o dia inteiro no sítio é compensado pelo clima da natureza e pela programação preparada pela família Sakaguti. Das 9 às 17 horas, a grande plantação de caqui é disponibilizada junto com uma área reservada para gastronomia e compras.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password