Tradicional corrida de São Silvestre terá a participação de medalhista olímpica

Como já é tradição, a 92ª Corrida Internacional de São Silvestre fechará o ano esportivo no dia 31 de dezembro. Cerca de 30 mil corredores de diversos países enfrentarão os 15 quilômetros por ruas e avenidas da capital paulista.
A grande atração será a queniana Jemima Sumgong, medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio 2016. A tricampeã da prova, Ymer Ayalew, também será presença garantida. A etíope é fã tanto da corrida quanto da cidade de São Paulo.
Para esta edição, o Comitê Organizador e os órgãos públicos viabilizaram ajustes no percurso, tornando-o ainda mais dinâmico, ao incluir trechos com ruas e avenidas mais amplas e seguras.
Ruas como Margarida, Olga e adjacências (próximas ao Memorial da América Latina), que já não suportavam o número de corredores, saíram do traçado.
Elas deram lugar a trechos do Centro Histórico de São Paulo, como a Xavier de Toledo, Sete de Abril, Bráulio Gomes, Viaduto 9 de Julho, Viaduto Jacareí e Rua Dona Maria Paula, capazes de atender a demanda de participantes diante do crescimento da Corrida Internacional de São Silvestre.
A largada será na avenida Paulista, altura da Ministro Rocha Azevedo, e a chegada em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero. A programação no dia da prova começará às 8h20 (de Brasília), com a categoria Cadeirantes. Em seguida, será a vez da elite feminina, às 8h40. A partir das 9 horas será a vez das pessoas com deficiência, pelotão de elite masculino e pelotão geral (masculino e feminino), nesta ordem.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password