‘Moti Tsuki’ deve distribuir 20 mil bolinhos da prosperidade no último dia do ano

Senhoras preparam os motis para a festa (Foto: Divulgação)

Não vai ter férias (ou dinheiro) para viajar no Ano Novo? Não se desespere, já que há um lugar perfeito em São Paulo para você encerrar o ano de 2016: o bairro da Liberdade. Seguindo a tradição, o último dia do ano na capital conta com a festa do “Moti Tsuki”, que chega a 46ª edição e acontece no dia 31 de dezembro.
Realizada pela Associação Cultural e Assistencial da Liberdade (Acal), junto com a Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social (Bunkyo), Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo (Enkyo), Aliança Cultural Brasil-Japão e Câmara do Comércio e Indústria Japonesa no Brasil, o evento distribuirá milhares de “bolinho da prosperidade”.
Os preparativos dos motis começam às 8h30, mas a distribuição gratuita do saquinho é feita só meia hora depois, se estendendo até as 13 horas. Além dos saquinhos, que contém dois motis (nas cores branco e vermelho, tons da bandeira do Japão e que simboliza paz e felicidade), também será distribuído três mil tigelas de ozooni – a sopa japonesa da sorte de início de ano.
Quem pretende ser contemplado, porém, é bom chegar cedo, já que muitas pessoas costumam formar filas horas antes, com alguns chegando por volta das 6 horas. De acordo com os organizadores, cerca de 2 mil kg de motigome foram usados para a produção dos motis e todos os produtos utilizados no preparo foram doados por empresas privadas parceiras do evento.
Para os japoneses, comer moti no primeiro dia do ano traz boa sorte.
Em entrevista ao São Paulo Shimbun, o presidente da Acal, Hirofumi Ikesaki, revela que a expectativa é de manter ou aumentar o número de visitantes neste ano.

Continua… (no impresso)

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password