Max Verstappen da Red Bull Honda vence o Grande Prêmio da Áustria de F-1

Max Verstappen destaca motor Honda na vitória na Áustria. Foto: Lars Baron/Getty Images

A nona etapa do campeonato foi a melhor corrida do ano com o holandês Max Verstappen conquistando a primeira posição de Charles Leclerc, na penúltima volta.

Honda volta a vitória na F-1 desde seu retorno em 2015.

AMAURI YAMAZAKI – São Paulo – SP

O holandês Max Verstappen (21) da equipe Red Bull Honda venceu neste domingo, o Grande Prêmio da Áustria de F-1, no autódromo da Red Bull Ring, localizado na cidade de Spielberg.

Com arquibancadas lotadas e temperatura ambiente de 35 graus, o público foi ao delírio com a vitória do holandês que fez uma corrida de recuperação, após ter problemas na largada e cair de segundo para sétimo na primeira volta.

Aos poucos o holandês foi ultrapassando um a um, até conquistar a segunda posição e ir para a vitória faltando duas voltas, ultrapassando por dentro a Ferrari de Leclerc, na curva 3.

Após as provas do da França e do Canadá, a Red Bull Honda achava que teria um desempenho mediano na Áustria, ficando atrás das Mercedes e das Ferraris, mas o forte calor, a ousadia de Verstappen e a performance do motor Honda, mudaram o panorama da corrida.

O inglês Lewis Hamilton declarou após a corrida, que o forte calor no domingo superaqueceu o motor Mercedes prejudicando o rendimento dos carros.

Já o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, fez tudo certo ao largar na pole e manter a liderança da largada até a duas voltas do final, quando foi ultrapassado por dentro por Verstappen.

Leclerc reclamou de uma manobra de Verstappen na ultrapassagem, quando o holandês tocou a roda dianteira com a Ferrari, que deu um pequeno salto e voltou atrás da Red Bull.

Além da vitória, Max Verstappen fez também a melhor volta da prova, ganhando mais um ponto no campeonato de pilotos.

Após o término da corrida, os comissários disseram que iriam investigar a manobra abrindo a possibilidade de uma punição para Verstappen. Porém, três horas após o final da corrida, a FIA disse que não haveria punição mantendo a vitória do holandês que agora acumula 6 vitórias na F-1.

Foi uma grande festa para a equipe Red Bull e também para a Honda, que após 3 temporadas difíceis com a McLaren e uma temporada mediana com a Toro Rosso, voltou ao lugar mais alto do pódio tendo superado as Ferraris e as Mercedes na pista.

Verstappen fez questão de mostrar o logo da Honda no macacão durante o pódio, destacando a importância do motor na vitória.

Verstappen fez questão de reconhecer mérito da Honda em sua vitória. Foto: Mark Thompson/Getty Images

O curioso é que na volta 56 (de um total de 71), o holandês reclamou pelo rádio que estava perdendo potência, quando um dos seus engenheiros recomendou uma alteração na configuração do motor no painel do carro, que resolveu o problema. Quando Verstappen reclamou da perda de potência, muitos achavam que ele poderia não terminar a prova.

Na última volta, Sebastian Vettel da Ferrari ultrapassou a Mercedes de Lewis Hamilton e conquistou a quarta posição.

Outros destaques da corrida foram o bom desempenho das duas McLarens, com Lando Norris terminando em sexto e Carlos Sainz em oitavo.

As duas Alfa Romeo que vinham caindo de performance durante o ano, também se recuperaram, terminando em novo com Kimi Raikkonen e décimo com o italiano Antonio Giovinazzi, que conquistou seu primeiro ponto no campeonato.

As duas Renault tiveram desempenho decepcionante na Áustria, com Nico Hulkenberg terminando em décimo segundo e Daniel Ricciardo em décimo terceiro. Ricciardo saiu por sua vontade da Red Bull, pois não acreditava na parceria Red Bull Honda.

Com a vitória de Verstappen, festa em todo o autódromo Red Bull Ring e especialmente nos boxes da equipe, com a comemoração da primeira vitória da parceria Red Bull, com motor Honda.

Próxima Corrida: GRANDE PRÊMIO DA INGLATERRA: 14 de JULHO

GRANDE PRÊMIO BRASIL DE F-1: 17 de NOVEMBRO

Charles Leclerc da Ferrari, Toyoharu Tanabe da Honda, Max Verstappen da Red Bull Honda e Valtteri Bottas da Mercedes celebram no pódio do GP da Áustria. Foto: Mark Thompson/Getty Images

RESULTADO DO GP DA ÁUSTRIA DE  F-1

Pos Piloto Carro Voltas Tempo Pontos
1 Max Verstappen Red Bull Honda 71 1:22:01.822 26
2 Charles Leclerc Ferrari 71 +2.724s 18
3 Valtteri Bottas Mercedes 71 +18.960s 15
4 Sebastian Vettel Ferrari 71 +19.610s 12
5 Lewis Hamilton Mercedes 71 +22.805s 10
6 Lando Norris McLaren Renault 70 +1 volta 8
7 Pierre Gasly Red Bull Honda 70 +1 volta 6
8 Carlos Sainz McLaren Renault 70 +1 volta 4
9 Kimi Räikkönen Alfa Romeo Ferrari 70 +1 volta 2
10 Antonio Giovinazzi Alfa Romeo Ferrari 70 +1 volta 1
11 Sergio Perez Racing Point Mercedes 70 +1 volta 0
12 Daniel Ricciardo Renault 70 +1 volta 0
13 Nico Hulkenberg Renault 70 +1 volta 0
14 Lance Stroll Racing Point Mercedes 70 +1 volta 0
15 Alexander Albon Toro Rosso Honda 70 +1 volta 0
16 Romain Grosjean Haas Ferrari 70 +1 volta 0
17 Daniil Kvyat Toro Rosso Honda 70 +1 volta 0
18 George Russell Williams Mercedes 69 +2 voltas 0
19 Kevin Magnussen Haas Ferrari 69 +2 voltas 0
20 Robert Kubica Williams Mercedes 68 +3 voltas 0

CAMPEONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES DA  F-1

Posição Equipe Pontos
01 Mercedes  363
02 Ferrari  228
03 Red Bull Honda  169
04 McLaren Renault  52
05 Renault  32
06 Alfa Romeo Ferrari  22
07 Racing Point Mercedes  19
08 Toro Rosso Honda  17
09 Haas Ferrari  16
10 Williams Mercedes  00

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS 2019

Pos Piloto País Carro Pts
01 Lewis Hamilton Inglaterra Mercedes 197
02 Valtteri Bottas Finlândia Mercedes 166
03 Max Verstappen Holanda Red Bull Honda 126
04 Sebastian Vettel Alemanha Ferrari 123
05 Charles Leclerc Mônaco Ferrari 105
06 Pierre Gasly França Red Bull Honda 43
07 Carlos Sainz Espanha McLaren Renault 30
08 Lando Norris Inglaterra McLaren Renault 22
09 Kimi Raikkonen Finlândia Alfa Romeo Ferrari 21
10 Daniel Ricciardo Austrália Renault 16
11 Nico Hulkenberg Alemanha Renault 16
12 Kevin Magnussen Dinamarca Haas Ferrari 14
13 Sergio Perez México R Point Mercedes 13
14 Daniil Kyvat Rússia Toro Rosso Honda 10
15 Alexander Albon Thailândia Toro Rosso Honda 7
16 Lance Stroll Canadá R Point Mercedes 6
17 Romain Grosjean França Haas Ferrari 2
18 Antonio Giovinazzi Itália Alfa Romeo Ferrari 1
19 George Russell Inglaterra Williams Mercedes 0
20 Robert Kubica Polônia Williams Mercedes 0

 

Max Verstappen conquista a vitória no GP da Áustria de F-1. Foto: Peter Fox/Getty Images
Toyoharu Tanabe da Honda dá um banho de champagne em Max Verstappen. Foto: Mark Thompson/Getty Images
Especificação III do motor Honda rendeu acima do esperado e levou time a vitória.Foto: Lars Baron/Getty Images
Red Bull Honda venceu na pista as duas Mercedes e as duas Ferraris. Foto: Charles Coates/Getty Images

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password