Empresa recicla 87% dos seus resíduos

A Embraco, empresa que foi vendida em abril para a japonesa Nidec Corp, por 1,08 bilhão de dólares, encerrou o ano de 2017 com índice de 87% de reciclagem para todos os resíduos gerados em suas plantas localizadas no Brasil, Eslováquia, China, México, Itália e Estados Uni-dos.

Diferente da reciclagem, a empresa trabalha com repropósito de materiais – não existindo a necessidade de serem industrialmente reprocessados – gerando componentes e matéria-prima para a fabricação de novos bens de consumo. Além disso, atua desde a consultoria de gestão de resíduos até a inteligência de engenharia e a venda de sistemas remanufaturados.

Entre 2015 e 2017, a plataforma processou cerca de 20 mil toneladas de materiais, sendo 13,4 mil toneladas de aço, 4,8 mil toneladas de ferro, 1mil toneladas de cobre e 1,6 mil toneladas de plástico. Com sede no Brasil, a Embraco é líder na fabricação de compressores herméticos para refrigeração e desde 1997 pertencia a Whirlpool. A empresa tinha cerca de 11 mil funcionários em oito fábricas.

O acordo com os japoneses, que não inclui as instalações da Embraco na Itália, onde há planos de fechamento, deve ser finalizado em 2019. Recentemente, a japonesa emitiu uma nota na qual explica que concordou em adquirir as ações porque vem desenvolvendo ativamente uma nova plataforma de crescimento com foco particular em seus negócios de eletrodomésticos, industriais e comerciais. “Como parte dessa estratégia, a companhia fez aquisições estratégicas na área de indústria de eletrodomésticos”, disse.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password