Campanha de vacinação contra pólio e sarampo é antecipada em São Paulo

O Ministério da Saúde lançou a campanha nacional de vacinação contra a poliomielite e o sarampo, que tem início na segunda-feira. São Paulo, no entanto, antecipou-se e já marcou o “Dia D” para este sábado. O motivo é facilitar o acesso das crianças, levadas pelos pais ou responsáveis.

A meta é vacinar 2,2 milhões de crianças de 1 a 5 anos incompletos. Só não poderão tomar as vacinas os menores imunodeprimidos, como aqueles submetidas a tratamento para leucemia e pacientes oncológicos.
Mais de 4 mil postos de vacinação fixos e cerca de 300 postos volantes estarão abertos das 8 às 17 horas.
No calendário nacional, a imunização deve ocorrer entre os dias 6 e 31 de agosto, com um “Dia D” em 18 de agosto, que também será realizado em São Paulo.

“Decidimos realizar dois ‘Dias D’ com a finalidade de facilitar que os pais e responsáveis levem as crianças aos postos de saúde. Nosso objetivo é elevar a cobertura vacinal contra poliomielite e sarampo entre as crianças entre 1 e 5 anos incompletos. As vacinas são seguras e é necessário ressaltar a importância da imunização, desmistificando que a vacina pode trazer malefícios”, ressalta a diretora de Imunização da Secretaria de Saúde de São Paulo, Helena Sato.
Ontem, o prefeito Bruno Covas anunciou que a Secretaria da Educação passará a fazer duas verificações no ano da carteira de vacinação.

E no lançamento da campanha, o ministro da Saúde Gilberto Occhi ressaltou a importância da vacinação nas crianças, “para manter essas doenças longe do Brasil”.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password