Sobreviventes da bomba de Hiroshima voltam a atuar com selo dos 110 anos

Os sobreviventes Watanabe, Morita e Bonkohara (Foto: Joy Photography Brasil)

Takashi Morita, Junko Watanabe e Kunihiko Bonkohara voltam a ocupar o palco, desta vez, o do Bunkyo, em São Paulo, com a peça “Os três sobreviventes de Hiroshima”.

Com selo dos 110 a-nos da imigração japonesa no Brasil, a encenação teatral já apresentada por várias vezes, desde 2013, terá única apresentação amanhã, no bairro da Liberdade. Quem não conseguiu assistir à peça de forma gratuita em oportunidades passadas, desta vez terá que pagar ingresso de R$ 50,00, cuja renda será revertida para as ações sociais dos rotarianos.  “Esta apresentação é uma realização do Rotary Saúde. Fiz questão que fosse no Bunkyo pelos 110 anos da imigração japonesa”, disse Ronaldo Ogasawara, presidente do Rotary Club Saúde.

Apesar dos 1.100 lugares do Grande Auditório, mais da metade, segundo ele, serão ocupados, tendo em vista a venda antecipada de ingressos. Grande parte foi adquirida por rotarianos, que desconheciam a peça.

Uma especial produção é prometida para amanhã, com direito a nova iluminação e trilha sonora por taikô. Os três sobreviventes, já mais acostumados com plateia, relatam o dia fatí-dico de 6 de agosto de 1945, quando os EUA lançaram uma bomba atômica em Hiroshima.

Aos 75 anos, Junko Watanabe não relata o que viu naquele dia, pois tinha apenas 2 anos de idade. O que conta é o que descobriu quando adulta, pois a família sempre escondeu o fato. Mesmo assim, desde 2005 faz palestras sobre a sua história.

Continua…(Impresso)

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password