‘Japonês da Federal’ é o novo presidente do PEN

O ex-agente da Polícia Federal Newton Ishii, popularmente apelidado de “Japonês da Federal”, assumirá a presidência do PEN-Patriota no Paraná.

A informação foi confirmada pelo presidente nacional da legenda, Adilson Barroso. “Ele deve assumir o cargo ainda nesta semana, depois que trâmites burocráticos forem cumpridos”, disse. Ishii substitui-rá na função o ex-deputado federal Wilson Picler, que trocou o PEN-Patriotas pelo PSL.

“Você imagina uma pessoa com 60 e poucos anos, que foi aposentado na Polícia Federal – ele não foi afastado, isso ou aqui-lo. Quem é que não quer um homem desses? Todos os partidos foram loucos atrás e até pensei que o japonês pudesse nos deixar, mas ele nos honrou muito e ficou”, afirmou Barroso.

Aposentado da PF des-de fevereiro, o agente filiou-se ao PEN-Patriota em Curitiba no início deste mês.

De acordo com Barroso, Newton Ishii deve ser lançado candidato pelo parti-do, mas ainda não se sabe a que cargo. “Vamos decidir isso em junho, depois que avançar a defesa jurídica dele”, afirmou o presidente nacional do PEN-Patriota, referindo-se à condenação do nikkei por corrupção e descaminho ao facilitar a entrada no Brasil de produtos contrabandeados. Ele chegou a ser preso em 2016.

Informações não oficiais dão conta que Ishii poderia ter pedido a aposentadoria desde julho de 2017, mas permaneceu no cargo a pedido do empresário Marcelo Odebrecht. O empreiteiro não queria ficar um dia na prisão sem o agente, que o tratava muito bem. Ishii deixou o trabalho no mesmo dia em que Odebrecht foi para casa.

0 Comentários

Deixar um comentário

Login

Bem vindo! Entre na sua conta

Lembrar de mim Esqueceu sua senha?

Lost Password